Os Espíritos


Junto com Fome Animal e Almas Gêmeas, Os Espíritos é um dos filmes cults do início da carreira de Peter Jackson que mereciam muito mais atenção. É uma comédia de humor negro sobre um investigador de fenômenos paranormais farsante que, na verdade, tem contato com fantasmas, que o ajudam a criar os casos de falso poltergeist. Seus problemas começam quando uma onda de mortes misteriosas toma conta da cidade onde vive, e ao tentar investigar o caso se torna o principal suspeito.

O roteiro escrito por Jackson e Fran Walsh é habilidoso na construção dos personagens e ns diálogos, mas falha razoavelmente ao amarrar a trama. O que salva o filme é o claro tom de deboche usado na história (o fantasma transando em lápides de múmias é minha piada favorita), mesmo que aos poucos o diretor coloque elementos realmente sombrios na trama, fazendo o filme funcionar muito bem. Os efeitos especiais do filme estão claramente ultrapassados, mas se salvam pela criatividade, especialmente o Coletor de Almas, cujo design apavorante é o que há de melhor.

Michael J. Fox está ótimo como o protagonista, mas o destaque é de Jeffrey Combs que faz um agente do FBI esquisitíssimo de forma divertida e brilhante. O resto do elenco está bem, mas parece ter dificuldades em compreender o tom do filme: uns exageram no drama e outros na comédia: só os dois realmente se destacam.

Divertido e original, Os Espíritos foi injustiçado na época de seu lançamento, fracassando nas biheterias injustamente, mas a cada ano vem ganhando uma aura cult cada vez maior.

Além de ser a receita perfeita para tirar o gosto de Um Olhar do Paraíso da garganta.

NOTA: 8

2 comentários:

Quéroul disse...

tenho um pouco de preguiça de rever, porque assisti no cinema, na época do lançamento, e achei péssimo. só que eu não me lembro direito. :/
e eu adoro P. Jackson, acho que Almas Gêmeas é o filme mais lindo do universo, adoro Fome Animal, e sou uma pessoa muito mais feliz por ele ter feiro Senhor dos Anéis, e até King Kong.
mas Os Espíritos é minha mágoa com ele.
quem sabe um dia eu reveja...

annastesia disse...

Também gostei. Essa é uma ótima dica para quem ainda não viu (ou não conhece). Pra quem já conhece, vale redescobrir.

Real Time Web Analytics