Turistas



Turistas tem um dos vilões mais complexos da história do cinema. Ao remover os órgãos de ua bela garota, ele justifica suas ações, dizendo que o Brasil foi bastante explorado pela Europa, que tiraram todo seu ouro, borracha (!) e outras coisas. E assim, ele se vinga... das colônias portuguesas, espanholas, holandesas etc. do Séculos XVI, XVII e afins: Tirando órgãos de jovens suecos, ingleses e americanos.

(Pausa para as gargalhadas)

Ok, Turistas tem dois pontos positivos: a fotografia das cenas embaixo d'água, que são lindas e as atrizes e seus figurinos (que é quase nulo). Aliás, dá pra definir o filme meio assim: A primeira metade é um Emanuelle na Praia, com as belas atrizes dançando e se insinuando em seus micro-figurinos. Depois, tenta virar um O Albergue, mas chega a parecer uma paródia pela incompetência do roteiro e da direção (e olhe que O Albergue é outro desastre...). De qualquer maneira, vale uma vista... na primeira metade, lógico.

NOTA: 3

0 comentários:

Real Time Web Analytics