O Amor Não Tira Férias



Perfeito exemplo de como uma atuação pode arruinar todo um filme. Cameron Diaz detona O Amor Não Tira Férias, um longa que já conta com um roteiro fraquíssimo, mas que ganha charme com Kate Winslet e Jude Law em excelentes interpretações. Aliás, até mesmo Jack Black se sai bem, evitando as caretas de sempre. O filme de Nancy Meyers é fraquinho que dói e conta com um momento ou outro mais inspirado, mas é sempre água-com-açúcar. Não ofende a inteligência, mas não acrescenta nada. A trama paralela vivida pelo ator Eli Wallach como um roteirista aposentado é o que há de melhor. Mas dá pra sobreviver sem assistir.

NOTA: 5

0 comentários:

Real Time Web Analytics